Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Olhos Castanhos’ Category

Olhos Castanhos

Neles penetrei e vi a vida,
Numa profundidade infinita e mística,
Me mesclei, me fundi,
Confundi-me em seus olhos…

Oh, beleza rara!
Oh, jóia incomprável!
Desfruta os teus segredos
E mostra aonde leva a tua cor.

Tua vida, o teu mel,
Deixa-me provar.
Só nele sou,
Só nele posso ser… teu.

Há em mim um desejo por teus olhos
Nesta paisagem encantadora.
Oh, esfera em que orbito.
Oh, órbitas que contemplo.

Permite minha humilde adoração.
Permite a tangência que suplico.
Pois, neste amor que liga os olhares,
Vejo: – “Temos olhos castanhos!”

E não os feche quando morrermos.
Pois, neles estão nossa vida.
Se os fechar, não verei
E não terei guia no Além,

Ayune, meu olhos.

08/05/09

Por: Paulo Ubermensch

Read Full Post »